Como Medir e Aumentar a Sua Riqueza

Tempo de leitura: 10 minutos

Quando se fala da riqueza, muitas pessoas pensam que ela é medida pelo tamanho do salário que ganham. Porém essa não é a real medida da riqueza, mas sim o patrimônio líquido. O patrimônio líquido é simplesmente o valor de tudo que uma pessoa tem, descontando-se as suas dívidas. Ela é a medida definitiva de riqueza, pois leva em consideração o que as pessoas de fato possuem e não somente o que entra em seus bolsos.

Pense comigo: pessoas com um grande patrimônio líquido não precisam trabalhar, pois podem investir o seu dinheiro, de modo a viver apenas dos rendimentos de seus investimentos. Pessoas que tem um alto salário dependem dele, e ficam sem nada se forem demitidas. Por isso acho que ter um patrimônio líquido alto é muito melhor do que ter um salário alto. Isso também faz sentido para você? O problema é que as pessoas que querem ficar ricas costumam cometer o erro de se concentrar-se em aumentar o salário, quando deveriam estar se concentrando em aumentar o patrimônio líquido.

No decorrer dos próximos parágrafos eu vou lhe ensinar como calcular o seu patrimônio líquido e como determinar, a partir desse valor, qual é o seu nível de riqueza. Vou passar também algumas dicas incríveis de como você pode aumentar o seu patrimônio líquido. Para começar vamos ver como você pode calcular o seu patrimônio líquido.

Como Medir a Sua Riqueza

Como Medir a Sua Riqueza

De forma bem simplificada podemos dizer que o patrimônio líquido é uma visão geral da sua vida financeira em um determinado momento. É um simples número que é resultado de tudo que você já ganhou e gastos durante toda a sua vida. Dessa forma, calcular o seu patrimônio líquido lhe dá uma visão de como você está financeiramente no momento.

Para descobrir qual é o seu patrimônio líquido comece fazendo o balanço dos seus ativos. Os ativos são itens de valor, que incluem a sua casa, contas bancárias, carros, empresas, seguros, utensílios domésticos, etc. Crie uma lista e inclua todos os ativos de valor considerável que você possuir, anotando ao lado o preço estimado deles caso você quisesse vendê-los hoje. Dica: Você pode automatizar todos os cálculos através da planilha bônus que pode ser baixada no final desse artigo.

Ao preencher a lista você deve incluir qualquer item que considerar relevante. Olhe ao redor da casa. O que você tem de valor que pode ser facilmente convertido em dinheiro caso for preciso? Uma maneira fácil de fazer isso é imaginar que você está se mudando para um outro país e não pode levar nada consigo. Quanto você ganharia ao vender as suas coisas? Isso lhe ajudar a ter uma boa ideia dos itens de valor que você possui.

Em seguida, faça o balanço das suas dívidas, que são comumente referidas como passivos. Estas incluem empréstimos, financiamentos, dívidas do cartão de crédito, etc. Some todas as suas dívidas e subtraia-as da soma dos seus ativos.

O valor resultante é conhecido como o patrimônio líquido. Parabéns! Agora você sabe quando você possui. Talvez não seja um valor tão alto quanto você pensava, mas pelo menos agora você sabe a verdade. Muitas poucas pessoas sabem qual é o seu patrimônio líquido. Algumas estão sentadas em uma pilha de dinheiro, mas vivem pobres devido à sua ignorância, mas o mais comum mesmo é que a as pessoas pensem que são ricas, na verdade, estão à beira da falência.

Com esta imagem do seu status financeiro você pode se planejar financeiramente e estabelecer metas. Agora que você sabe onde você está, você pode usá-lo para projetar o seu futuro, determinar que patrimônio líquido quer atingir. Calcular o seu patrimônio líquido uma vez é com certeza de grande ajuda, mas o mais interessante é recalcular o patrimônio em uma base regular de tempo, de modo que você possa acompanhar a evolução da sua situação financeira.

Mudanças no seu patrimônio líquido só são significativas no longo prazo. A cada mês uma variedade de fatores pode fazer com que o seu patrimônio líquido tenha flutuações. Para a maioria das pessoas calculá-lo uma vez por ano é o suficiente para detectar os problemas e ter a certeza de que você ainda está no caminho certo para cumprir suas metas.

Agora que você já conhece o seu patrimônio líquido você pode usá-lo para determinar se você é, ou não rico. Como? É sobre isso que vou falar no tópico seguir.

Como Determinar se Você é Rico

Como Determinar se Você é Rico

Existe uma forma simples de determinar se você é rico, das as suas condições de renda e idade. No livro O Milionário Mora ao Lado os autores Thomas J. Stanley e William D. Danko apresentam uma fórmula que permite descobrir qual é o seu patrimônio líquido esperado. Para isto basta multiplicar a sua idade pela sua renda anual, provinda de todas as fontes, exceto heranças. Depois dividir o resultado por dez. Simplificando, temos:

Sua Idade x Sua Renda Anual ÷ 10 = Patrimônio Líquido Esperado

Por exemplo, se você tiver 44 anos de idade, ganha R$72.000,00 por ano deve multiplicar 72 mil por 44. Isso dá um total de R$3.432.000,00. Então basta dividir o resultado por dez, e o seu patrimônio líquido esperado é de R$343.200,00. Dica: Você pode automatizar todos os cálculos através da planilha bônus que pode ser baixada no final desse artigo.

Comparando o seu patrimônio líquido atual como seu patrimônio líquido esperado você se encontrará em uma dessas três categorias:

PAR (Prodígio Acumulador de Riqueza)

Se você tem um patrimônio líquido que é o dobro ou maior do patrimônio líquido esperado você é um PAR. Você pode ser considerado, dadas as suas condições, uma pessoa rica. Você é um construtor de riqueza, porque é melhor em termos de formação de patrimônio líquido quando comparado com outras pessoas na mesma faixa de renda e idade. Parabéns e continue assim!

Sub-Acumulador de Riqueza (SAR)

Se você tem um patrimônio líquido menor do que a metade do seu patrimônio líquido esperado você é um SAR. Você pode ser considerado, dadas as suas condições, uma pessoa pobre. É provável que você tenha um estilo de vida acima dos seus meios, dando muita importância para o consumo e subestimando fatores fundamentais para a construção da riqueza.

Médio Acumulador de Riqueza (MAR)

Se você não se encontra em nenhuma dessas categorias você é um MAR, Médio Acumulador de Riqueza. O seu patrimônio líquido está perto daquilo que seria esperado para pessoas na sua faixa de renda e idade.

Tipicamente o patrimônio líquido de pessoas jovens, recém saídas da faculdade, por exemplo, é bastante baixo porque elas ainda estão começando a ganhar dinheiro. Dessa forma, essa fórmula não é muito eficaz para pessoas jovens, com menos de 25 anos. Uma pessoa nessa faixa de idade dificilmente será uma PAR. Se esse for o seu caso, não desanime. Durante os seus anos de trabalho seu patrimônio líquido irá crescer conforme a sua carreira avança.

Esse teste não é um atestado definitivo da sua situação financeira, mas é um bom parâmetro para avaliar o tamanho relativo do seu patrimônio líquido. Você pode e deve aumentá-lo caso não esteja satisfeito com a sua situação, e é exatamente sobre isso que eu vou falar no próximo tópico.

Como Aumentar o seu Patrimônio Líquido

Como Aumentar o seu Patrimônio Líquido

Os milionários alcançam a independência financeira porque desde cedo trabalham para aumentar seu patrimônio líquido, em vez da sua renda. Você pode ter calculado o seu patrimônio líquido e chegado à conclusão de que você precisa aumentá-lo. Se esse for o seu caso tenho certeza que achará as dicas as seguir úteis.

Pague as Dívidas

A primeira coisa que você precisa fazer é eliminar os seus passivos, ou seja, pagar as suas dívidas. Pague todas as suas dívidas o mais rápido possível. Identifique as dívidas com taxas de juros mais altas e pague-as por primeiro, de modo que você pague menos juros ao longo do tempo. Se você quiser saber mais sobre quitação de dívidas dê uma olhada no artigo Como Sair das Dívidas. Somente após pagar as suas dívidas você poderá investir seu dinheiro, uma vez que os juros das suas dívidas são provavelmente maiores do que os juros de seus investimentos, faz mais sentido pagar primeiro as dívidas.

Poupe Dinheiro e Invista-o

O seu salário deve ser o suficiente para cobrir as suas despesas regulares, e nada mais. Todo o resto deve ser utilizado para investir em investimentos que geram rendimento passivo. Rendimento passivo é simplesmente o dinheiro que você recebe sem precisar trabalhar ativamente, como ações que pagam dividendo, imóveis que rendem aluguéis, etc. Dessa forma o seu patrimônio líquido começará a crescer pouco a pouco.

Viva Abaixo dos Seus Meios

Ao olhar o seu patrimônio líquido, e especialmente a sua evolução ao longo do tempo, você pode identificar áreas em que você gasta muito dinheiro. Apenas porque você pode pagar por algo não quer dizer que você deve comprá-lo. Separe aquilo que você quer daquilo que você precisa. Para fazer isso, antes de comprar algo simplesmente se pergunte: “eu quero isso ou eu preciso?”. Tente limitar as suas comprar aos “preciso”. Não há problemas em comprar algumas coisas que você quer, mas reduza as despesas desnecessárias, suas necessidades devem representar a maior parte dos seus gastos. O restante desse dinheiro deve ser utilizado para investir.

Outra dica importante é manter o seu estilo de vida ao longo dos anos quando mesmo que o seu salário aumente. Isso lhe deixará com muito dinheiro sobrando para investir.

Bônus: Planilha Financeira

Pensando em lhe ajudar a fazer os cálculos do patrimônio líquido e do seu patrimônio líquido esperado eu criei está planilha bônus, que permite que você faça todos esses cálculos com apenas alguns cliques.

Para fazer o download da planilha de Patrimônio Líquido é só clicar no botão abaixo.

Planilha Financeira Patrimônio Líquido

Conclusão

Calcular o seu patrimônio líquido permite que você descubra qual é a sua situação financeira atual e lhe ajuda a planejar o seu futuro financeiro. Se o seu patrimônio líquido mostra que você está no caminho certo ele pode encorajá-lo a continuar o que está fazendo. Se os seus valores indicam espaço para melhorias, ele pode pode motivá-lo a começar a poupar e investir seu dinheiro.  Enfim, independentemente da sua idade ou renda calcular o seu patrimônio líquido lhe ajudará a melhorar a sua situação financeira e a aumentar a sua riqueza.

Espero que este artigo tenha sido útil para você e gostaria que você deixasse um comentário aqui embaixo para que eu possa continuar a produzir mais conteúdo como esse.

(crédito das imagens: shutterstock.com)